Allan Kardec

“Nascer, morrer, renascer, ainda, e progredir sempre, tal é a lei.”

“Fora da Caridade não há Salvação.”

“Fé inabalável só é a que pode encarar a razão, face a face, em todas as épocas da Humanidade.”

“Aqueles que passam a sua vida na abundância e na felicidade humana são espíritos frouxos que permanecem estacionários.”

“Se tornarmos a palavra milagre em sua acepção etimológica, no sentido de coisa admirável, teremos milagres incessantemente sob as vistas. Aspiramo-los no ar e calcamo-los aos pés, porque tudo então é milagre em a Natureza.”

“Deus povoou os mundos de seres vivos, concorrendo todos ao objetivo firme da providência.”

“Como acreditar que Deus só ao Espírito mal permita que se manifeste, para perder-nos, sem nos dar por contrapeso os conselhos dos bons Espíritos.”

“O Espiritismo não vem procurar os perfeitos, mas os que se esforçam em colocar em prática os ensinos dos Espíritos. O verdadeiro espírita não é o que alcançou a meta, mas o que sinceramente quer atingi-la. Sejam quais forem os seus antecedentes, que será bom espírita desde que reconheça suas imperfeições e seja sincero e perseverante no propósito de se emendar.”

“Quando a ciência demonstrar que o espiritismo estiver errado em um ponto, ele se modificará neste ponto.”

“Demonstrando a existência e a imortalidade da alma, o Espiritismo reaviva a fé no futuro, levanta os ânimos abatidos e faz suportar com resignação as vicissitudes da vida.”

“A justiça não exclui a bondade.”

“A duração do sofrimento se baseia no tempo necessário a que se melhore.”

“Cada um terá que dar conta da inutilidade voluntária da sua existência.”

“O bem é sempre o bem, qualquer que seja o caminho a que conduza.”

“Só por meio do bem se repudia o mal e a reparação nenhum mérito apresenta, se não atinge o homem nem no seu orgulho, nem nos seus interesses materiais.”

“Todo aquele que sente, num grau qualquer a influência dos espíritos é, por esse fato, médium.”

“A caridade que sente, segundo Jesus, não se restringe á esmola, abrange todas as relações em que nos achamos com os nossos semelhantes, sejam eles nossos inferiores, nossos iguais ou nossos superiores.” 

Bençãos Plenas

Anúncios